^Topo

Parceiros

eco-escolas-1 livro-de-elogios-2 livro-de-elogios-1 grupo-de-pais-solidarios-1

Visitantes

Hoje14
Esta Semana506
TOTAL305224

Contas de gerência e orçamentos

Dando cumprimento ao disposto no art.º 28.º, alínea c) dos seus Estatutos, o Centro Social Santa Joana Princesa torna público, aqui, através do seu sítio institucional, o seu programa de ação e o orçamento previsional para o ano de 2023, os quais mereceram aprovação pelos respetivos órgãos nos termos estatuários. 

(Ver anexos)


Dando cumprimento ao disposto na alínea b), do art.º 15º-A dos seus Estatutos, o Centro Social Santa Joana Princesa torna público, aqui, através do seu sítio institucional, o seu relatório e contas de exercício do ano de 2020os quais mereceram aprovação pelos respetivos órgãos nos termos estatuários.

(Ver anexos)


Dando cumprimento ao disposto na alínea b), do art.º 15º-A dos seus Estatutos, o Centro Social Santa Joana Princesa torna público, aqui, através do seu sítio institucional, o seu relatório e contas de exercício do ano de 2019, os quais mereceram aprovação pelos respetivos órgãos nos termos estatuários.

(Ver anexos)


Dando cumprimento ao disposto na alínea c), do art.º 15º-A dos seus Estatutos, o Centro Social Santa Joana Princesa torna público, aqui, através do seu sítio institucional, o seu programa de ação e o orçamento previsional para o ano de 2019, os quais mereceram aprovação pelos respetivos órgãos nos termos estatuários.

(Ver anexos)


Dando cumprimento ao disposto na alínea b), do art.º 15º-A dos seus Estatutos, o Centro Social Santa Joana Princesa torna público, aqui, através do seu sítio institucional, o seu relatório e contas de exercício do ano de 2018, os quais mereceram aprovação pelos respetivos órgãos nos termos estatuários.

(Ver anexos)


Dando cumprimento ao disposto na alínea c), do art.º 15º-A dos seus Estatutos, o Centro Social Santa Joana Princesa torna público, aqui, através do seu sítio institucional, o seu programa de ação e o orçamento previsional para o ano de 2020, os quais mereceram aprovação pelos respetivos órgãos nos termos estatuários.

(ver anexos)

 

 

 

 

História

O Centro Social Santa Joana Princesa é uma Instituição Particular de Solidariedade Social, registada na Direcção Geral da Segurança Social desde 24 de Agosto de 1982, tendo iniciado a sua actividade no ano lectivo de 1987/1988.

 

Esta instituição nasceu para dar resposta à freguesia de Santa Joana – em pleno Núcleo urbano de Aveiro – no domínio da Infância e Juventude, tendo neste momento utentes oriundos de várias freguesias do concelho. Atualmente presta também serviços no domínio da Terceira Idade.

 

O CSSJP atende a 5 respostas sociais:

Infância e Juventude: 
  • Creche 
  • Pré-Escolar;
Terceira Idade:
  • Centro de Dia;
  • Lar (ERPI);
  • Serviço de Apoio Domiciliário (SAD).

 

O CSSJP terminou em 2013 o seu processo de HACCP e está em fase de conclusão o seu processo de certificação da qualidade.

 

Missão

O Centro Social Santa Joana Princesa é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) que promove o respeito pela individualidade, valorização, inovação e crescimento dos serviços prestados aos seus utentes da Infância e Terceira Idade.

 

Visão

O Centro Social Santa Joana Princesa pretende ser reconhecido, pelas diversas partes interessadas no seu trabalho, como uma instituição de vanguarda na área da solidariedade social, empreendedora e sustentável, e que se pauta pela diferença, pela partilha de recursos em rede e pela adaptação permanente a novas realidades e desafios.

 

Valores
  • Excelência - na criação de novas soluções e na sua execução
  • Transparência e honestidade – na gestão e divulgação dos processos da organização 
  • Rigor e responsabilidade – com comprometimento e culto pelo que está instituído regulamentar e legalmente
  • Respeito pelo outro – designadamente dos seus direitos e da individualidade de cada um
  • Envolvimento – das pessoas, com motivação e formação
  • Autocrítica – relativamente a nós próprios, percebendo-nos e revendo-nos
  • Humanização e proximidade – com os utentes, olhando-os como pessoa, com valores, sensibilidades, expectativas e recursos próprios
  • Estimulação e desenvolvimento – pessoal dos utentes, promovendo a sua autonomia
  • Igualdade de oportunidades - no acesso aos bens e serviços da organização

 

Copyright © 2014. CSSJP Rights Reserved.